Instalação audiovisual itinerante de Rodrigo Camacho no Funchal até 30 de Abril

22 Abr 2019 / 17:43 H.

O Teatro Municipal Baltazar Dias acolheu hoje a conferência de imprensa de apresentação do projecto ‘Problema’, da autoria do músico e compositor Rodrigo Camacho que regressa à terra-natal para apresentar esta instalação audiovisual interactiva que irá circular por alguns espaços da cidade.

A instalação esteve este ano no Artsdepot em Londres, e chega agora ao Funchal, onde estará em itinerância, de 23 a 30 de Abril, com passagens pela Escola Secundária Francisco Franco no dia 23, Porta 33 no dia 24, Jardim Municipal nos dias 26 e 27, Escola do Tanque a 29 e por fim nos Arcos na Reitoria da Universidade da Madeira, no dia 30 de Abril.

“‘Problema’ é um apelo à acção, uma advertência, pois frequentemente esquecemo-nos de que temos um corpo; um que é simultaneamente físico, biológico, animal, social, cultural, político”, revela o comunicado de imprensa, salientando que o Rodrigo vê este trabalho como uma “exploração poética da dicotomia entre as dimensões físicas e intelectuais e quer que a sua experiência sirva de tentativa de reconciliação dos nossos seres multidimensionais. Rumando via a um sentido de unidade, do infinitésimo ao de figura mais gargântua, do mais simples ao mais complexo, abstracto ou mesmo indescritível, todos os problemas serão bem-vindos para que sejam atirados adiante”, revela o mesmo documento.

A apresentação foi feita através de um painel de intervenientes composto por Sandra Nóbrega, Chefe de Divisão da Cultura e Turismo da Câmara Municipal do Funchal, entidade que apoia o evento, Rodrigo Camacho, mentor do projecto, compositor e músico, Sandra de Freitas, Banco dos afectos da Escola Secundária Francisco Franco, Cristina Pestana, Projecto Gerar Percursos de Sucesso da Escola Secundária Francisco Franco e por Duarte Encarnação da Universidade da Madeira.

Outras Notícias