Capela do Colégio Missionário do Sagrado Coração celebra 70 anos sábado

O Grupo Coral Padre Dehón faz também 13 anos. O programa vai ajudar a angariar dinheiro para a recuperação do tecto da capela

12 Mar 2019 / 10:18 H.

Os 70 anos da Capela do Colégio Missionário do Sagrado Coração e os 13 anos do Grupo Coral Padre Dehón, que está no mesmo colégio, celebram em conjunto os aniversários no próximo sábado com um programa que inclui missa, com um encontro de coros e jantar solidário, cuja receita vai ajudar na conservação do tecto da capela.

Esta capela ficou concluída a 16 de Março de 1949, comemora 70 anos da conclusão da sua construção e consagração, no próximo sábado. Já o coro foi fundado em 2006 com 20 elementos pelo padre Isildo Silva, sob a direcção artística de Adérito Gouveia. Hoje com uma centena, interpreta música sacra e outros tipos de música em latim, inglês, hebraico.

O programa começa pelas 18 horas com a realização de uma missa. Às 19 horas tem início o Encontro de Coros, criado com o objectivo de dar a conhecer o seu trabalho, conviver com outros grupos e ajudar na angariação fundos para a recuperação do tecto. Neste concerto participam o Grupo da Associação Cultural e Recreativa do Porto Moniz, o Coro Juvenil da Direcção de Serviços de Educação Artística e Multimédia, o Grupo Coral do Arco da Calheta e o Grupo Coral Padre Dehón. O jantar solidário tem início pelas 20 horas no refeitório do Colégio, tem um custo de 5 euros.

O Colégio Missionário começou a actividade no Brasil e veio também para a Madeira. Ali está sediada a ALVD – Madeira, Associação dos Leigos Voluntários Madeirenses, que tem preparado e enviado voluntários para acções humanitárias em África e que vai continuar este ano com novos grupos para Moçambique, Equador e Albânia.

Outras Notícias