Secretaria da Saúde da Madeira chama a atenção para os efeitos do frio

31 Jan 2018 / 17:06 H.

A Secretaria Regional da Saúde divulgou, hoje, uma circular com uma lista de medidas para prevenir os efeitos do frio na saúde da população, no âmbito da campanha “O frio já chegou! Proteja-se”.

Leia com atenção e previna-se.

Medidas de protecção face ao frio e ao vento

- Evitar a exposição prolongada ao frio e às mudanças bruscas de temperatura;

- Usar várias peças de roupa de algodão ou de lã sobrepostas, em vez de um único abafo;

- Usar luvas, gorro, meias e cachecol (para manter as zonas mais expostas e extremidades protegidas/ quentes);

- Usar calçado que proteja da água e do frio;

- Usar um creme hidratante para a pele e para os lábios;

- Manter-se, sempre que possível, em movimento (é o melhor aquecimento para o corpo). Mesmo em casa fazer pequenos movimentos com os dedos, braços e pernas porque evitam o arrefecimento do corpo;

- Trabalhadores que exerçam a sua actividade no exterior devem ter especial atenção ao vestuário.

Alimentação

No inverno estamos sujeitos a temperaturas mais baixas, o nosso corpo arrefece e gasta mais energia para se manter quente. Deve-se, assim, escolher alimentos que ajudam a aquecer, em 5-6 refeições diárias, pouco de cada vez, privilegiando o consumo de:

- Sopas e caldos;

- Bebidas quentes ou aquecidas (chá ou leite);

- Legumes cozidos;

- Frutas frescas;

- Cereais;

- Leguminosas;

- Frutos secos.

Evitar as bebidas alcoólicas que proporcionam uma falsa sensação de calor.

Habitação

- Manter limpa, arejada e aquecida (entre os 18ºC e os 21ºC); Se não conseguir aquecer todas as divisões da casa, tente manter a sala de estar quente durante o dia e aqueça o quarto antes de se ir deitar;

- Proteger frestas de portas e janelas;

- Manter a habitação arejada, limpa de humidades e bolores que podem originar alergias e infecções respiratórias.

Prevenir incêndios, queimaduras, intoxicações e acidentes rodoviários

- Verificar a manutenção dos equipamentos utilizados para aquecimento antes de os usar;

- Se utilizar lareiras, braseiras, salamandras ou equipamentos a gás, manter a correcta ventilação das divisões de forma a evitar a acumulação de gases prejudiciais à saúde;

- Apagar/ desligar os aparelhos antes de se deitar ou sair de casa;

- Evitar dormir/ descansar próximo dos equipamentos de aquecimento;

- Não utilizar fogão a gás, forno ou fogareiro a carvão para aquecimento da casa, nem utilizar equipamentos de aquecimento de exterior em espaços interiores;

- Ter em atenção a condução adoptando uma condução defensiva.

E ainda:

- Ter especial atenção por parte das famílias e vizinhos, e dos contactos sociais de proximidade, com as pessoas idosas e em condição de maior isolamento;

- Orientar as pessoas em situação de sem-abrigo para que, quando a temperatura baixar muito ou quando houver muito vento, procurem um local abrigado e se mantenham secas pois o corpo arrefece rapidamente com a humidade;

- Informar estas pessoas da existência de locais que prestem apoio.