Rubina Leal questiona Cafôfo sobre duração do mandato na Câmara do Funchal

02 Nov 2017 / 16:44 H.

“O presidente da Câmara Municipal do Funchal tem que esclarecer os funchalenses como é que, 10 dias depois de tomar posse, anunciando que ia cumprir o mandato até ao fim, já está a apadrinhar candidaturas de outros partidos, que colocam em causa a sua continuidade à frente dos destinos da Cidade”. O desafio foi lançado hoje pela vereadora do PSD, Rubina Leal, após a Reunião de Câmara, dizendo que quer saber se o presidente Paulo Cafôfo irá manter-se durante todo o mandato naquele executivo.

“Decorridos 10 dias após a sua tomada de posse, vem o senhor presidente da Câmara apadrinhar declarações feitas no âmbito de uma actividade partidária, onde é posta em causa a sua continuidade neste executivo”, criticou a vereadora do PSD.

No entender de Rubina Leal, a população tem o direito de ser esclarecida. “A população merece ser esclarecida porque houve um compromisso do actual presidente em cumprir o seu mandato”, disse, continuando: “não se pode passar 10 dias após uma tomada de posse e já estar a apadrinhar o facto de fazer parte de uma outra candidatura”.

Outras Notícias