Primeiro-Ministro questionou Miguel Albuquerque

18 Fev 2018 / 07:00 H.

Bom dia caro leitor! Na edição número 46.552 do seu DIÁRIO fique a saber que o Primeiro-Ministro ‘puxou as orelhas’ a Miguel Albuquerque por causa da polémica à volta do eventual défice das contas da Madeira.
No Congresso do PSD, que encerra hoje em Lisboa, o PSD-M tem boas perspectivas de eleger militantes aos órgãos nacionais.
Outro destaque da edição de hoje prenden-se com a Igreja. “Modelo actual das paróquias está a cair de podre”. Está é a opinião do padre Bernardino Andrade numa entrevista de duas páginas concedida ao seu matutino. Depois de estar emigrado 32 anos nos Estados Unidos, o sacerdote não quer uma Igreja voltada para si própria, e descreve como é que um bispo deve de operar: que saiba escutar, que abandone o palácio, que esteja perto dos pobres e dos excluídos. Sobre a solução encontrada para o caso padre Giselo, o camarada afirma que a decisão “foi uma aberração pastoral”.

Noutro cômputo, o Lar de Câmara de Lobos tem dinheiro só até Setembro, depois do Governo Regional ter efectivado um protocolo que confere a gestão do espaço à Associação Atalaia Living Care. O estabelecimento, reforçado com 44 doentes das ‘altas problemáticas’, tem 935 mil euros até 30 de Setembro. Um assunto que pode ler na página número dois.

Em termos desportivos o Marítimo somou o nono jogo consecutivo sem vencer. Os pupilos de Daniel Ramos não foram além de um empate a zero com o Desportivo das Aves. Noutro relvado, neste caso o judicial, o União da Madeira foi condenado pelo órgão que tutela o futebol mundial a pagar 300 mil euros por causa de Danilo Dias, agravando ainda mais as contas dos unionistas.

Para os estudantes madeirenses há uma boa notícia: As passagens para o charter na Páscoa começam a ser vendidas já no início de Março, a 65 euros.

Tudo isto e muito mais para acompanhar no seu órgão de informação regional predilecto. Votos de um excelente domingo.

Outras Notícias