IHM e SESARAM iniciam acções de sensibilização para os cuidados de Saúde Oral

Iniciativa no âmbito do projecto ‘Viver com Saúde’ dirigida a famílias residentes nos complexos habitacionais sob gestão da IHM

16 Jul 2018 / 16:16 H.

O Governo Regional, através da Investimentos Habitacionais da Madeira, EPERAM (IHM, EPERAM), deu início, no presente mês de julho, às acções de sensibilização para os cuidados de saúde oral, em coordenação com o serviço do SESARAM - programa regional ‘Madeira a Sorrir’ - dirigidas a famílias residentes nos bairros sociais, no âmbito do projecto ‘Viver com Saúde’.

Estas sessões de educação para a saúde oral estão a ser desenvolvidas por parte da equipa de médicos dentistas e higienistas orais do Serviço de Saúde Oral do SESARAM, EPE, parceiro no projecto.

Foram já realizadas sessões nos Conjuntos Habitacionais de Santa Luzia, Ribeira Grande, Comandante Camacho de Freitas e Hospital, no Funchal, Torre e Nogueira, respectivamente, em Machico e Santa Cruz.

A próxima iniciativa realizar-se-á no bairro da Bemposta, em Machico, a 17 de Julho, a partir das 14 horas.

“A prevenção é a base primordial deste projecto Viver com Saúde”, indicou Vânia Jesus, Presidente do Conselho de Administração da IHM.

“Este mês, em parceria com a equipa coordenadora do programa regional ‘Madeira a Sorrir’ do SESARAM, as actividades têm como objetivo inicial educar e melhorar a saúde oral, pretendendo-se que no final os moradores tenham apreendido conceitos básicos sobre cárie dentária e patologias associadas e adoptado hábitos diários de higiene”, prosseguiu.

Recorde-se que o projecto ‘Viver com Saúde’ da IHM tem por propósito estimular a adoção de comportamentos saudáveis, a promoção da saúde e a prevenção da doença.

Neste âmbito, a IHM dedicou o mês de maio ao rastreio gratuito para a prevenção de doenças cardiovasculares, em parceria com a Delegação Regional da Fundação Portuguesa de Cardiologia e Escola Superior de Enfermagem São José de Cluny, e o mês de junho ao rastreio visual e auditivo com a empresa Alberto Oculista.

De sublinhar que a iniciativas para os cuidados de saúde oral e os rastreios gratuitos iniciados em maio e junho continuam a decorrer e terminam só após as equipas percorrerem todos os complexos habitacionais contemplados no projecto.

Outras Notícias