Concursos de Rui Marques foram anulados

10 Ago 2018 / 15:01 H.

Caíram os procedimentos concursais abertos pelo anterior presidente da Câmara Municipal da Ponta do Sol, o social-democrata Rui Marques, que há um ano quis contratar 14 postos de trabalho para o quadro de pessoal do município. Foi durante a reunião ordinária da vereação que a proposta de deliberação levada hoje por Célia Pessegueiro acabou por passar merecendo os votos favoráveis dos dois vereadores do PS e da vereadora do CDS/PP, um voto contra e uma abstenção dos dois vereadores eleitos pelo PSD-M.

A edil Célia fez saber que a entrada de mais pessoal implicaria um acréscimo na despesa a rondar os 250 mil euros ano, com agravante de muitos das vagas não colmatarem as reais necessidades do quadro do município sendo que sete seriam destinados para a carreira de assistente operacional, quatro na carreira de técnico superior, dois na carreira de assistente técnico e um na categoria de fiscal municipal.

A cessação de dois concursos de Rui Marques, um deles aprovado a dois meses das eleições de 2017 previa a entrada directa de pessoal afecto ao seu gabinete, situação que levantou enorme polémica dentro do contingente de funcionários da autarquia tanto que motivou uma acção judicial no sentido de considerar aquele preenchimento de lugares como inadequado.

  • 1
    $tempAlt.replaceAll('"','').trim()