Albuquerque autoriza construção do caminho agrícola Rancho à Caldeira

20 Jan 2018 / 14:02 H.

O presidente do Governo autorizou esta manhã o arranque do procedimento administrativo para a construção da empreitada entre o Rancho à Caldeira, uma das três obras que o presidente da Junta de Freguesia considerou prioritário efectuar na localidade, menos duas que o presidente da Câmara enumerou ter para concretizar, no entanto referiu que não pode fazê-lo justamente pelo facto de o Programa de Desenvolvimento Rural da Região Autónoma da Madeira estar fechado.

Ora a ‘luz verde’ do chefe do Executivo insular surgiu logo após a visita às obras de beneficiação da Vereda da Calçada da Caldeira, depois de Celso Bettencourt e Pedro Coelho considerarem prioritárias o arranque de alguns troços ao ponto do edil salientar ser “justa a reclamação”, tanto é que aproveitou para recordar a Albuquerque que este “sabe que Câmara de Lobos sempre esteve ao seu lado, e que aqueles que estão ao seu lado não têm que ser premiados, mas têm de ser acarinhados, no mínimo”.

E o ‘carinho’ veio depois. O governante reconheceu que o acesso permitirá beneficiar uma vasta área agrícola e um significativo número de agricultores pelo que prometeu que no próximo ano espera que a construção do acesso possa estar já no terreno, mas avisou que o Executivo madeirense “não tem capacidade para fazer expropriações” pelo que sugeriu que houvesse uma concertação de vontades para haver celeridade na empreitada.

Outras Notícias