UE reitera apelo a “máxima contenção” após ataques de drones na Arábia Saudita

16 Set 2019 / 12:28 H.

A União Europeia (UE) reiterou hoje o apelo à “máxima contenção” após Washington ter acusado Teerão do ataque com drones contra instalações petrolíferas na Arábia Saudita, reivindicadas por rebeldes iemenitas.

“É importante estabelecer claramente os factos e determinar a responsabilidade por este ataque abominável”, disse a porta-voz da Comissão Europeia para a Política Externa, Maja Kocijancic.

“A UE reitera o seu apelo à máxima contenção e a um apaziguamento”, salientou, recuperando uma declaração divulgada no domingo, em comunicado, depois do ataque a duas instalações petrolíferas da Arábia Saudita.

Um ataque com drones já reivindicado pelos rebeldes iemenitas Huthis provocou, no sábado, incêndios em duas instalações petrolíferas do gigante saudita Aramco, no leste da Arábia Saudita.

A administração de Donald Trump culpou o Irão pelo ataque.

Outras Notícias