França regista 987 mortes nas últimas 24 horas incluindo uma criança

10 Abr 2020 / 19:36 H.

França registou 987 mortes devido à covid-19 nas últimas 24 horas, inclusive uma criança com menos de dez anos, aumentando para 13.197 o número de óbitos desde o início da epidemia, anunciou hoje o diretor-geral da Saúde, Jérôme Salomon.

Entre as mortes mais recentes, 433 ocorreram em lares de idosos ou estabelecimentos de assistência social e 554 em hospitais, indicou Jérôme Salomon.

Nas 987 mortes contabilizadas nas últimas 24 horas está a de uma criança, com menos de dez anos, que se encontrava internada nos cuidados intensivos, na região de Paris.

“As causas da morte parecem múltiplas, mesmo sabendo-se que houve uma infecção pela covid-19 diagnosticada”, detalhou o director-geral da Saúde na actualização diária da evolução da pandemia em França.

Até agora, a morte da vítima mais jovem devido à covid-19 registada em França era a de uma rapariga de 16 anos.

Perante o boletim de hoje, Jérôme Salomon destacou a diminuição de pessoas internadas nos cuidados intensivos, pelo segundo dia consecutivo, com um total de 7.004 doentes, menos 62 do que na quinta-feira, o que classificou de “um enfraquecimento tímido”, com “um pálido raio de sol”.

“Um planalto muito alto parece estar a começar, com uma epidemia ainda muito dinâmica, sempre muito heterogénea de acordo com as regiões, com muitas admissões, é por isso que devemos permanecer completamente vigilantes e mobilizados”, acrescentou

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 100 mil mortos e infectou mais de 1,6 milhões de pessoas em 193 países e territórios.