Filme ‘O Irlandês’ lidera nomeações a prémios da associação norte-americana de críticos

EUA /
09 Dez 2019 / 00:01 H.

O filme “O Irlandês”, de Martin Scorsese, e a minissérie “When they see us”, ambos produzidos pela Netflix, lideram as nomeações dos prémios da Associação de Críticos dos Estados Unidos e Canadá.

De acordo com a lista divulgada, na área do cinema “O Irlandês” soma 14 nomeações, em categorias como Melhor Filme, Realização, Fotografia, Argumento Adaptado e pela interpretação de Robert De Niro como ator principal, e de Al Pacino e Joe Pesci, enquanto atores secundários.

Ainda no cinema, “Era uma vez... em Hollywood”, de Quentin Tarantino, está indicado para 12 prémios, seguido de “As Mulherzinhas”, de Greta Gerwig, com nove, e “Marriage Story”, de Noah Baumbach, com oito.

Na televisão, a liderança cabe à minissérie “When they see us”, inspirada em factos reais e realizada por Ava DuVernay, com seis nomeações, seguida das séries “This Is Us” (NBC) e “Schitt’s Creek” (Pop), com cinco nomeações cada.

No total, entre filmes e séries, a plataforma de ‘streaming’ Netflix lidera os prémios com 61 nomeações. A HBO, que produz e exibe, entre outras, as séries “Guerra dos Tronos”, “Chernobyl” e “The Watchmen”, segue com 33 nomeações.

A 25.ª cerimónia dos prémios da Associação de Críticos dos Estados Unidos e Canadá decorrerá a 12 de janeiro. As nomeações foram divulgadas na véspera de se conhecerem os nomeados dos Globos de Ouro, que também distinguem produções de cinema e televisão.

Historicamente, lê-se na página oficial da associação, estes prémios da crítica são um dos melhores indicadores das nomeações para os Óscares, os prémios de cinema dos Estados Unidos.