PSD questiona Câmara da Ponta do Sol sobre esquadra da PSP

25 Jan 2018 / 21:20 H.

“Consideramos que não é razoável, por exemplo, estar a haver interrogatórios enquanto no andar superior decorrem aulas de música. Por outro lado também não é razoável expor as crianças a determinadas situações que decorrem em esquadras de polícia” considerou o vereador Virgílio Pereira, após a reunião de Câmara realizada esta tarde.

Segundo nota de imprensa, os vereadores do PSD na Câmara Municipal da Ponta do Sol questionaram o executivo autárquico sobre as instalações da PSP naquele concelho, quer as provisórias quer as definitivas.

Os autarcas consideram que, se por um lado “as instalações provisórias da PSP não reúnem as melhores condições ao nível da acessibilidade e funcionam num edifício onde existe um Conservatório de Música, por outro as instalações definitivas também não são as melhores”.

“A solução apresentada por este executivo é novamente uma solução a prazo, uma meia solução, pois o espaço proposto não oferece condições”, disse, acrescentando: “não faz sentido investir numa infra-estrutura que não seja de raiz”.

Outras Notícias