Alberto João Jardim sugere o “afastamento da incompetência” do PSD

18 Dez 2017 / 16:36 H.

Na sequência das eleições dos novos presidentes das Concelhias do PSD e dos presidentes das Comissões Políticas de Freguesia, que têm decorrido nos últimos tempos, o antigo presidente do Governo Regional diz que o problema do PSD/Madeira “é principalmente e sobretudo a organização partidária”, que é, neste momento, “o ponto fraco” do partido.

Alberto João Jardim diz ainda que a situação “não pode continuar assim, nem com quem está lá, nem com os conhecidos ‘cagões’ aprendizes de feiticeiros”, afirmando que insistir “em impôr ‘renovadinhos’, é não ter aprendido a lição”.

No comentário assinado pelo antigo presidente do governo, fica ainda o apelo para deixarem “o PSD profundo, em cada Concelho e em cada Freguesia, se unir em volta dos seus melhores e escolher quem volte a tornar o partido representativo do sentir local” e que os “incompetentes tirem umas férias e não se metam”.

Outras Notícias