Raspas no Porto Santo

07 Dez 2017 / 02:00 H.

    A raspadinha é o maior gerador de receitas para qualquer mediador e a ilha do Porto Santo está no esquecimento. A falta de raspadinhas no Porto Santo é uma situação que ja vem sendo habitual desde a Páscoa. Os mediadores do Porto Santo chegam a estar 15 dias sem raspas para vender.

    Esta situação está a gerar perdas de receitas que coloca em causa a sustentabilidades das mediações.

    A Santa Casa nao faz nada para resolver a falta de assiduidade da entrega dos raspas.

    F. Sousa

    Outras Notícias