Avião da TAP com destino à Madeira está de regresso a Lisboa

Vento forte faz divergir três voos para Faro, Porto Santo e Lisboa e mantém retido, em Porto Santo, avião da Binter

25 Mar 2019 / 19:24 H.

Está de regresso a Lisboa o voo da TAP (TP 1787) que tinha chegada prevista para as 18h45 ao Aeroporto Internacional da Madeira – Cristiano Ronaldo. A aeronave da companhia de bandeira nacional, um Airbus A319 depois de alguns círculos em espera ao largo da costa Norte da Madeira, voltou a ganhar altitude encontrando-se já em rota de regresso ao Aeroporto Humberto Delgado.

O mais provável é este voo, depois de aterrar na capital portuguesa, ser dado como cancelado. A confirmar-se, serão dois os voos cancelados (chegada e partida).

Outros dois aviões foram divergidos neste final de tarde, consequência do aumento da intensidade do vento junto ao Aeroporto da Madeira.

Antes, outros dois voos internacionais com destino à Madeira, ambos operados pela easyJet, foram também divergidos. O primeiro, depois de tentativa falhada de aproximação à pista em Santa Cruz, acabou por rumar directamente para o Aeroporto de Faro, tendo aterrado já depois das 19 horas. O segundo avião já nem ultrapassou a Ponta de São Lourenço, tendo divergido para o Aeroporto de Porto Santo.

Depois das 17 horas o vento aumentou de intensidade junto à pista do Aeroporto da Madeira, tendo a rajada máxima atingido os 87 km/h (17h20).

Retido em Porto Santo está também o pequeno ATR da Binter que assegura as ligações inter-ilhas.