Produção na construção civil aumenta 4% em Agosto

11 Out 2018 / 03:32 H.

A produção na construção acelerou em agosto ao subir 4,0%, em termos homólogos, tendo os índices de emprego e de remunerações aumentado 2,7% e 3,5%, respetivamente, indicou ontem o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Em julho, o índice de produção na construção tinha registado uma taxa de variação homóloga de 3,9%, enquanto os índices de emprego e de remunerações tinham crescido 2,8% e 5,3%, respetivamente.

Segundo o INE, o aumento do índice de produção na construção foi determinado pelo segmento da construção de edifícios que teve uma aceleração de 0,6 pontos percentuais, ao passar de uma variação homóloga de 4,1% em julho para 4,7% em agosto, depois de ter crescido 3,7% em junho deste ano.

A aceleração registada em agosto no segmento da construção de edifícios compensou o abrandamento do crescimento homólogo verificado no segmento de engenharia civil, que passou de 4,3% em junho, para 3,6% em julho e para 3,0% em agosto.

De acordo com o INE, em agosto, o índice de emprego no setor da construção teve um crescimento homólogo de 2,7%, contra um aumento de 2,8% em julho.

Em comparação com julho, o índice de emprego diminuiu 0,1%, quando em agosto de 2017 a variação foi nula.

Já o índice das remunerações efetivamente pagas registou uma taxa de variação homóloga de 3,5% (5,3% em julho).

Em relação a julho, este índice apresentou uma queda de 12,7%, contra menos 11,1% em agosto de 2017.

Outras Notícias