DIAP de Leiria instaurou 528 inquéritos no primeiro semestre por denúncias de crimes de violência doméstica

11 Jul 2019 / 15:48 H.

O Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Leiria anunciou hoje que instaurou 528 inquéritos por denúncias de crimes de violência doméstica, entre 1 de Janeiro e 30 de Junho.

De acordo com os dados divulgados na página da Procuradoria da República da Comarca de Leiria, no primeiro semestre deste ano foram instaurados 528 inquéritos por violência doméstica.

Foram ainda efectuadas 36 detenções, das quais 16 em flagrante delito.

Nas medidas de coacção, o juiz de instrução decretou 17 prisões preventivas, seis obrigações de permanência na habitação, 18 proibições de contactar com a vítima e 15 proibições de permanecer na residência onde habita com a vítima.

Em 42 casos foi aplicada a teleassistência.

Neste período, 367 inquéritos foram arquivados e o Ministério Público deduziu 137 acusações.

De acordo com a informação do DIAP, aos 528 novos inquéritos transitaram do período anterior 490, num total de 1.018 processos.

Estão pendentes 467 inquéritos, dos quais 159 há mais de oito meses.

Outras Notícias