Vídeo condensa os momentos da partida do velejador Miguel Sá do Funchal rumo a Cabo Verde

19 Jan 2019 / 14:50 H.

O velejador Miguel Sá já navega rumo a Cabo Verde, numa viagem solitária que visa a chegada à Cidade da Praia, geminada com o Funchal. Eram cerca das 13 horas quando saiu da marina do Funchal, a bordo do ‘Marujo’, após momentos de convívio com amigos e familiares.

Ao DIÁRIO, o experiente velejador contou que leva alguns souveniers da Madeira para entregar pelos portos por onde passar. Leva também um bolo de mel, que deverá trazer de volta, tal como partiu. Na Madeira fica um outro bolo, com a mesma data de confecção e embalado da mesma forma. “Será um ‘bolo da roda’”, conta. Quando regressar à Madeira ambos os bolos serão provocados para que se faça uma comparação de sabor.

Miguel Sá foi ainda presenteado por amigos com garrafas de vinho e comida, numa espécie de afago por esta viagem solitária.

Também Madalena Nunes, vereadora da Câmara Municipal do Funchal, marcou presença na partida do madeirense. Entregou um livro e um carta, endereçados à Praia, cidade de Cabo Verde geminada com o Funchal. “É uma forma de demonstrarmos a nossa disponibilidade para colaborar com as nossas cidades irmãs”, salientou a autarca.

Apesar da falta de vento para navegar, tudo indica que o velejador deverá chegar a ilha de La Palma, em Canária, na próxima segunda-feira. Este será o seu primeiro porto e onde deverá ficar cerca de três dias, partindo depois para Gomera, onde permanecerá mais três dias. Fica até ao final do mês em Hierro, também nas Canárias, de onde partirá rumo a Santo Antão, desta feita no arquipélago de Cabo Verde.

“Propus esta viagem à Câmara do Funchal, uma vez que ia para Cabo Verde, como forma de assinalar o 16º aniversário de geminação das duas cidades. Para o experiente velejador, o barco está sempre preparado “para sair para onde for”, pelo que está “sempre preparado”. A bordo, com a mecânica, electrónica e velas preparadas, está tudo em condições.

Para estes dias, além da alimentação e outros elementos necessários para a viagem, leva alguns livros a serem entregues em escolas de Cabo Verde.

António Fontes, presidente do Clube Naval do Funchal, também esteve presente.

A aventura pode ser acompanhada na página de facebook ‘Re-Navegar-2019-Funchal-Praia’. Está prevista a transmissão da posição da embarcação para uma página de internet em: https://eur-share.inreach.garmin.com/U4ATE.