Todas as actividades económicas não essenciais como obras encerram a partir de 31 de Março

29 Mar 2020 / 18:10 H.

O Governo Regional decidiu determinar, a partir das 00 horas do dia 31 de Março, a cessação de todas as actividades económicas não essenciais, durante 14 dias. Nestas actividades incluem-se as obras públicas. O anúncio foi feito por Miguel Albuquerque, presidente do Governo Regional, numa conferência de imprensa que decorre na Quinta Vigia.

Além disso, o governante anunciou ainda o confinamento obrigatório a todos os casos suspeitos, em unidades hoteleiras da Região.

Também a partir das 00 horas do dia 31 de Março, haverá a redução para 100 passageiros a chegar por semana, aos aeroportos da Madeira. Todos os que cheguem têm de cumprir quarentena obrigatória.

A partir deste momento, está também proibida a mobilidade entre as unidades de saúde existentes, a fim de evitar o contágio entre profissionais de saúde.

O Governo Regional vai solicitar o reforço de medidas de controlo para circulação de pessoas e veículos, bem como em casos de ajuntamento. Albuquerque afirma que estas medidas têm a concordância do Representante da República para a Madeira.

Tópicos