Núcleo de Estudantes Social Democratas debateu o Futuro da Educação

16 Fev 2019 / 14:37 H.

O Núcleo de Estudantes Social Democratas do Funchal (ESD’s Funchal) realizou hoje uma conferência com vista a abordar questões relacionadas com a educação, nomeadamente os desafios que a Madeira enfrentará no futuro, relacionados com a baixa taxa de natalidade que se verifica nos dias de hoje, e o elevado número de professores existentes.

“A ideia é darmos respostas a estes problemas que vão surgir mais tarde, tentando fazer com que a Educação consiga corresponder às necessidades actuais e futuras da sociedade”, referiu Isabel Laranjeiras, presidente do Núcleo dos ESD’s Funchal.

A conferência contou com um painel composto por Marco Gomes, director regional da Educação, António Lucas, director regional de Inovação e Gestão, Elsa Fernandes, professora da Universidade da Madeira, Odílio Freitas, vice-director do Conselho Executivo do Liceu Jaime Moniz, e Vitor Calado, director regional do Banco Santander Totta, no papel de moderador.

A iniciativa pretendeu apontar caminhos para o futuro, através de um debate de ideias e perspectivas que procura enquadrar ambientes educativos distintos em soluções conjuntas.

Outras Notícias