Madeira curtas como um espaço de liberdade para os alunos

22 Out 2018 / 12:35 H.

Decorreu, há pouco, na Escola Básica do 1.º Ciclo com Pré-escolar de São Filipe, a apresentação da 9.ª edição do Madeira Curtas (MC), um concurso que segundo o director regional da educação, Marco Gomes proporciona aos alunos maior liberdade de expressão, interacção e criatividade.

Marco Gomes destacou a importância das escolas adaptaram-se as novas tecnologias, capacitando os alunos com mais ferramentas, para o futuro. “A escola deve ser um meio aberto, articulada com o mundo”, acrescentou.

O projecto está aberto a toda a população, tendo como ênfase, a comunidade escolar. O tema desta nova edição – Caminhos sem dependências – resultado do compromisso assumido pela direcção regional da educação e a Unidade Operacional de Intervenção em Comportamentos Aditivos e Dependências (UCAD), que tem como objectivo promover a prevenção do consumo do álcool e de outras substâncias nas camadas mais jovens.

A inscrição pode ser feita aqui, até 31 de Março de 2019.

A curta-metragem terá de ser entregue em formato digital, através dos serviços de armazenamento/partilha de ficheiros on-line (tendo sido recomendado a utilização do serviço wetransfer.com) enviado a ligação de partilha para o seguinte e-mail: madeiracurtas@gmail.com, até dia 28 de abril de 2019.

Outras Notícias