David Justino chega à Madeira amanhã para a conferência promovida pelo PSD/M

O ex-ministro da Educação, vencedor do Prémio Calouste Gulbenkian, é o orador convidado para a conferência-debate sobre ‘Educação - Projecto Sustentável para uma Sociedade Autónoma’

09 Nov 2018 / 11:32 H.

David Justino, ex-ministro da Educação, vem à Região já amanhã, dia 10 de novembro como orador convidado para a Conferência “Educação - Projeto Sustentável para uma Sociedade Autónoma”.

Uma iniciativa promovida pelo Gabinete de Estudos do PSD/Madeira, no âmbito do Compromisso Madeira, que terá lugar no auditório da Segurança Social da Madeira, a partir das 10h30, e contará com as presenças do presidente do Partido, Miguel Albuquerque, dirigentes e membros de associações e instituições da Sociedade Civil.

A conferência, aberta ao público em geral, é um espaço aberto de debate que tem três grandes objectivos. O primeiro, auscultar as associações e as instituições da Sociedade Civil, bem como o público em geral. O segundo, fazer o balanço junto da população do cumprimento do programa eleitoral do PSD e do Governo Regional. E o terceiro recolher contributos para o futuro programa eleitoral e de governo para 2019/2023, explicou o director do Gabinete de Estudos do PSD/M.

Francisco Santos quer ouvir os melhores. Por isso convidou David Justino, licenciado em Economia e doutorado em Sociologia, vencedor do o Prémio Calouste Gulbenkian de Ciência e Tecnologia em 1987, pela dissertação de doutoramento intitulada ‘Formação do Espaço Económico Nacional’.

É Professor na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, foi investigador na Universidade de Évora, consultor da Bolsa de Valores de Lisboa, da Fundação Luso-Americana e do Taguspark.

Desempenhou o cargo de vereador da Habitação Social na Câmara Municipal de Oeiras entre 1994 e 2001) e foi deputado à Assembleia da República entre 1999 e 2002.

Em 2002 ingressou no governo de Durão Barroso, como Ministro da Educação. Foi ainda presidente do Conselho Nacional de Educação e consultor do Presidente da República Aníbal Cavaco Silva para os Assuntos Sociais.

Tópicos