Canárias apostam na internacionalização da Educação

As Novas Conferências do Casino estão a decorrer esta sexta-feira, no Centro de Congressos da Madeira

07 Dez 2018 / 09:42 H.

A “internacionalização”, dando aos alunos a possibilidade de contactar com outras culturas e a aposta no ensino de línguas, integram o projecto das Canárias para a Educação.

Uma aposta sublinhada por David Pérez-Dionis Chinea vice-conselheiro da Educação e Universidades do Governo de Canárias.

Falando antes da sessão de abertura das ‘Novas Conferências do Casino’ que decorrem, esta manhã no Casino da Madeira, destacou a importância de aproximação entre as ilhas da Macaronésia, sobretudo as que fazem parte da União Europeia, que têm problemas comuns. Madeira, Canárias e Açores são regiões ultraperiféricas com apostas semelhantes na educação.

As Novas Conferências do Casino, uma iniciativa da Secretaria Regional da Educação, com o apoio do DIÁRIO, têm como tema, este ano, ‘Insularidade e Educação’.

Entre as várias personalidades que participam na conferência-debate estão os responsáveis pela pasta da educação das três regiões: David Chines (Canárias), Avelino Meneses (Açores) e Jorge Carvalho (Madeira).

Outras Notícias