Câmara de Lobos recebe I Congresso de Economia Social da RAM

15 Out 2018 / 15:47 H.

Fruto de uma parceria entre a Câmara Municipal de Câmara de Lobos e a Associação de Investigação e Promoção da Economia Social (AIPES), o Museu de Imprensa - Madeira, em Câmara de Lobos, acolhe, entre os dias 16 e 17 de Outubro, o I Congresso de Economia Social da RAM.

Subordinado aos temas da sustentabilidade, da inovação e do empreendedorismo social, o congresso contará com a participação de destacados especialistas com vasta experiência na dinamização de projectos em diferentes áreas do sector da economia e do empreendedorismo social, quer ao nível regional, quer nacional.

De entre o painel de oradores, destacamos a participação de Rogério Roque Amaro, professor associado do ISCTE-IUL e fundador RedPES - Rede Portuguesa de Economia Solidária, da RIPESS - Europa - Rede Intercontinental de Promoção da Economia Social e Solidária, da RELDESS - Rede Lusófona de Desenvolvimento e Economia Social e Solidária e da PROACT e ainda cofundador e atual presidente do Conselho Científico da ACEESA - Associação Centro de Estudos de Economia Solidária do Atlântico dos Açores, chefe de redacção da revista “Economia Solidária” e presidente da Assembleia Geral da ANIMAR; Américo Mendes, professor associado da Universidade Católica Portuguesa, onde é coordenador da Área Transversal de Economia Social e director do mestrado e das pós-graduações nas áreas da economia social e projectos de cooperação daquela universidade; Paula Guimarães, assessora da União das Mutualidades Portuguesas, vice-presidente no Instituto de Reinserção Social, administradora não executiva das Residências Montepio, de presidente do GRACE e de membro do júri do Prémio Gulbenkian; Margarida Pinto Correia, directora de Inovação Social da Fundação EDP; entre outros.

O congresso visa assim consolidar os fundamentos e a identidade da Economia Social enquanto estratégia e política para o desenvolvimento económico local, de forma sustentável, e encontrar os melhores caminhos para uma maior dinamização da Economia Social na Região Autónoma da Madeira, contribuindo para novas referências sociais e económicas, através da reflexão científica e da partilha de boas práticas.

Outras Notícias