“A Madeira continua refém das vontades políticas dos partidos que a governam”, diz Miguel Silva Gouveia

15 Fev 2020 / 11:05 H.

Miguel Sousa Gouveia, faz a apresentação pública da candidatura de Paulo Cafôfo à liderança do PS Madeira.

Aproveitou para denunciar que “a Madeira continua refém das vontades políticas dos partidos que a governam”. Preocupado com a situação na Saúde, o presidente da Câmara Municipal do Funchal acusou os partidos da coligação que compõe o Governo Regional de tratar da sua própria saúde em vez de se preocuparem com a saúde dos madeirenses.

“Entre a saúde dos madeirenses e a saúde desses dois partidos optaram por só se preocuparem com a saúde dessa coligação em detrimento da saúde dos madeirenses”. Em suma, “a Madeira continua refém de um partido que agora são dois”, disse.

Perante uma sala demasiado pequena para a moldura humana que veio manifestar apoio público a Paulo Cafôfo, Miguel Silva Gouveia considerou um “Bom presságio” a escolha do hotel onde decorre a apresentação por ter sido o mesmo onde funcionou “o quartel general da maioria absoluta na Câmara Municipal do Funchal”, lembrou.