Argentina 2 - Qatar 0

25 Jun 2019 / 02:00 H.

    Pobre Argentina. Mesmo com Messi e Aguero, apresentou mais uma vez um futebol de baixa qualidade, perante um Qatar que por lá apareceu a fazer coro num samba que lhe é estranho. Argentina que com muito gado para se alimentar, acaba por se classificar na Copa América, em dificuldade bem maior que a Venezuela de Maduro, onde ao que dizem passam fome e sofrem de liberdade de movimento, embora saiam aos milhões para outros terrenos aonde possam apurarem-se para ganhar a vida. Uma Venezuela que no Brasil soube a tempo e horas passar à fase seguinte na Copa, e dizer ao mundo que a crise em Caracas não entra em jogo. Já a Argentina dos milionários jogadores que participam na sua Selecção, passou por maus bocados, e acabou com o credo na boca para se apurar para os quartos de final. Mais uma vez Queirós, o professor português ao serviço da Colômbia, deu uma ajudinha. Assim Messi, Aguero, Dybala, Acuña, Otamendi e cª podem continuar em prova, até ao apito que os mandará de volta ao país das pampas. O que falta pouco, pois a qualidade do seu futebol, é sofrível, quase medíocre. A sorte porém não dura sempre, e de nada lhe valerá dizer que tem nas suas fileiras o melhor jogador do mundo. Ele também para brilhar, necessita de ajuda de toda a equipa. Coisa que não se tem visto nos jogos já disputados.

    Joaquim A. Moura