Medo ‘dispara’ vendas mas coloca outros às ‘moscas’

Alguns comerciantes estão a ter bons resultados. Em contrapartida, outros estão asfixiados

30 Mar 2020 / 02:00 H.

O silêncio profundo da Boaventura acabara de ser interrompido com as 12 badaladas do relógio da igreja. À porta do bar/café La Fé estavam a Rosa e a filha. No interior, o proprietário. João Martinho colocou uma mesa à entrada do estabelecimento para condicionar as entradas - como se existissem muitas - numa localidade a padecer de sangue novo.

Num sotaque castelhano responde-nos...