Juíza deixa Cafôfo sossegado, para já

Assistente requereu que ex-autarca seja interrogado, mas pedido foi negado

12 Set 2019 / 02:00 H.

A juíza de instrução que tem em mãos o caso da queda da árvore do Monte não atendeu ao pedido de uma assistente no processo que requereu que Paulo Cafôfo fosse interrogado durante a fase instrutória, que ainda decorre.

A 3 de Setembro, Susana Mão de Ferro considerou, de acordo com o que resulta do requerimento da abertura de instrução da assistente em causa, que a matéria respeitante...

Outras Notícias