(In)Justiça a peso de ouro

Após a cerimónia de 2019, o ouro pesa agora a favor de Lionel Messi. será justo?

04 Dez 2019 / 02:00 H.

No rescaldo da cerimónia da Bola de Ouro, entregue pela sexta vez a Lionel Messi, injustiça e mérito são palavras ouvidas na análise e na opinião de quem acompanha o futebol. A votação dos 176 jornalistas de todo o mundo conduziu à vitória do argentino, deixando o madeirense Cristiano Ronaldo em terceiro lugar (Virgil van Dijk foi segundo). Após a edição de 2019, o ouro pesa a favor...

Outras Notícias