A minha alegre casinha

No Lar de Santa Isabel, o Natal tem olhares melancólicos, saudade e recordações de outros tempos, mas também tem sorrisos abertos, música, vontade de viver, gratidão e muita dedicação de quem se entrega diariamente para que os idosos se sintam em casa

25 Dez 2019 / 02:00 H.

Estava sentada ao computador da redacção, uma semana depois da minha visita ao Estabelecimento Santa Isabel, no Funchal, quando vieram entregar-me um grande envelope de papel. Surpresa, abri-o imediatamente apenas para me deparar com uma visão que me encheu de ternura: um saquinho branco de organza, atado com uma fita vermelha e um cartão de ‘boas festas’ que guardava, no interior,...