CNE dá um dia a Albuquerque para se explicar

12 Set 2019 / 02:00 H.

A CNE - Comissão Nacional de Eleições - deu 24 horas a Miguel Albuquerque para se pronunciar sobre uma queixa recebida por propaganda paga, em altura em que a Lei Eleitoral para a Assembleia Legislativa da Madeira o proíbe. As queixas foram feitas pelo PS-Madeira, nos dias 18 e 19 de Agosto, e, além de conteúdos patrocinados no Facebook, incluíram publicações no DIÁRIO e no JM,...