Taxistas da Calheta a ‘arder’ ameaçam parar com transportes de doentes

Estão há um ano para receber. Denunciam o acordo firmado com a AITRAM

28 Ago 2019 / 02:00 H.

Os industriais de táxi do concelho da Calheta estão à beira de um ‘ataque de nervos’. Tudo por causa do incumprimento do SESARAM quanto ao pagamento dos serviços dos transporte de doentes não urgentes. As dívidas acumuladas atingem em média os “1.800 e os 2.000 euros” às empresas de táxi.

O delegado dos taxistas na Calheta revela não poder dar garantias que os colegas vão cumprir...

Outras Notícias