Consultores dão volta a Portugal para promover um '2013 com mais sorrisos'

20 Mai 2012 / 12:37 H.

    Uma 'volta a Portugal' para mostrar gratuitamente como melhorar em contexto de crise e ter um "2013 com mais sorrisos" é a proposta de uma empresa de consultoria de Braga, uma iniciativa que arranca em Lagos, na quarta-feira.

     

    À agência Lusa, Nuno Magalhães, administrador da empresa de consultoria e formação, resumiu este 'road-show' (no continente e nas ilhas) como 30 sessões em que a palavra-chave é a micro e não a macroeconomia.

     

    O responsável recordou que as condições macroeconómicas, como a dificuldade de acesso ao crédito e juros altos, não são controlados pelos cidadãos, mas sublinhou que estes podem perceber como melhorar a sua atuação.

     

    A proximidade com empresários, gestores da administração pública, estudantes e desempregados para o desempenho de um "papel melhor" é o que a empresa Qualitividade se propõe potenciar. O administrador sublinha desde logo "não ser serviço público".

     

    Oferecer serviços que a empresa vende é, para Nuno Magalhães, "acrescentar valor", por serem recolhidas informações que permitem depois respostas mais adequadas e por se ficar a conhecer em detalhe cada uma das regiões.

     

    Todavia, por agora, a meta é acabar com o "muro de lamentações" e com o ciclo de ficar "à espera que alguém resolva por nós", no contexto da atual crise.

     

    O administrador lembrou que o "estádio de desenvolvimento" do país é responsabilidade de todos: "Culpam-se os políticos, mas fomos nós que os elegemos".

     

    Por isso, a proposta das sessões que a empresa vai realizar é mudar as abordagens e "ter mais sorrisos" no próximo ano através da recolha de informação, da discussão e de conclusões sobre como trabalhar de forma mais eficaz.

     

    A concentração em Lisboa e no Porto e nas "pessoas do costume" foi ignorada propositadamente para serem cumpridos os objetivos, aceitando-se qualquer inscrição até ao limite máximo de cada espaço das sessões.

     

    Lições práticas das sessões são, por exemplo, mostrar a um desempregado jovem e qualificado o que o tecido empresarial precisa e como um empreendedor se pode encaixar em determinado nicho.
     

    Lusa

    Outras Notícias