Mundiais de surf em El Salvador novamente adiados

31 Mar 2020 / 10:22 H.

Os Mundiais de surf de 2020, que já tinham sido remarcados para junho, em El Salvador, devido à pandemia de covid-19, voltaram a ser adiados, sem data marcada, anunciou hoje a Associação Internacional de Surf (ISA).

“A ISA decidiu, em concordância com o Governo de El Salvador, adiar os Mundiais de surf até nova informação, provavelmente para a segunda metade de 2020”, lê-se no comunicado do organismo.

Há uma semana, a ISA tinha adiado para 06 a 14 junho estas competições, que estavam inicialmente previstas para o período entre 09 e 17 de maio.

“Esta decisão decorre do adiamento dos Jogos Olímpicos para 2021, à luz da crescente pandemia global de covid-19 e no interesse permanente na segurança dos atletas, adeptos, trabalhadores, juízes e comunidade local”, justifica o organismo.

Esta competição atribui quatro vagas para a competição masculina e seis para a feminina dos Jogos Olímpicos Tóquio2020.

O português Frederico Morais já assegurou a presença em Tóquio2020, após ter sido o melhor atleta europeu nos Mundiais de 2019, no Japão.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia de covid-19, já infetou mais de 750 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 36 mil. Dos casos de infeção, pelo menos 148.500 são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Em Portugal, que está em estado de emergência desde as 00:00 de 19 de março e até às 23:59 de 02 de abril, registaram-se 140 mortes e 6.408 casos de infeções confirmadas, segundo o balanço feito na segunda-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS).