Ivo Vieira quer Moreirense “mais forte” em “jogo difícil” com Tondela

16 Fev 2019 / 15:22 H.

O treinador Ivo Vieira afirmou hoje que o Moreirense vai tentar apresentar um futebol de “qualidade” para se impor ao Tondela, num jogo de “grau de dificuldade elevado”, da 22.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Depois de um empate caseiro perante o líder FC Porto (1-1), que ajudou os ‘cónegos’ a cimentar o quinto lugar do campeonato, o técnico realçou que a sua equipa vai precisar de acreditar na sua “ideia de jogo” e de ter bola para se impor a um Tondela “competitivo”, que também conseguiu um “resultado motivador” na jornada anterior - derrotou o Vitória de Guimarães (1-0).

“Vai ser um jogo de grau de dificuldade elevado. Preparámos o jogo de forma a conseguir os três pontos, tendo consciência que o adversário é uma equipa forte, competitiva, que não vira a cara à luta, com valias individuais e coletivas. Mas, nós, também temos as nossas e vamos tentar ser mais fortes do que o Tondela”, disse, na conferência de antevisão ao jogo agendado de domingo, em Moreira de Cónegos.

Para Ivo Vieira, a turma minhota vai ter ainda de saber “interpretar aquilo que o jogo precisa” e de igualar a “vontade e a disponibilidade” de um adversário “bem orientado” por Pepa, que, no seu entender, é sobretudo perigoso no contra-ataque.

“Temos de estar muito bem preparados para as saídas do Tondela, para as transições rápidas e para o jogo em profundidade, em que são muito fortes. É uma equipa que procura muito os cruzamentos pelos seus alas”, descreveu.

O Moreirense ocupa a última posição que, em princípio, vai garantir o apuramento para a Liga Europa, com 35 pontos, mais três face ao sexto, o Vitória de Guimarães, que recebe hoje, às 18:00, o Portimonense, mas Ivo Vieira recusou sentir “mais pressão” por jogar depois do concorrente.

O treinador ‘cónego’ reiterou, aliás, que a definição dos horários das partidas “não faz diferença alguma” e que os seus jogadores “não estão preocupados” com o que os adversários fazem, mas apenas em “trabalharem arduamente” para conseguirem resultados.

“Estes jogadores têm sido valentes e quase gigantes no trabalho que têm feito. Se o Vitória ganhar hoje, no domingo será um jogo natural para nós, porque temos a nossa pressão. A nossa grande pressão é sermos muito competitivos e respeitarmo-nos uns aos outros”, salientou.

Questionado ainda sobre uma eventual proposta da administração da SAD do Moreirense, presidida por Vítor Magalhães, para a renovação do contrato que o liga ao clube, Ivo Vieira respondeu que não houve, para já, qualquer conversação nesse sentido.

O Moreirense, quinto classificado, com 35 pontos, recebe o Tondela, 11.º, com 23, às 15:00 de domingo, no Estádio Comendador Joaquim de Almeida Freitas, em Moreira de Cónegos.