Frederico Rezende enaltece apoios na hora da homenagem

30 Out 2018 / 20:47 H.

Frederico Rezende foi homenageado na tarde desta terça-feira pelo Governo Regional depois do mais recente feito, a ligação entre Açores e Madeira em mota de água, em Agosto de 2018. Na cerimónia que decorreu na Quinta Vigia, Frederico Rezende lembrou “o sacrifício pessoal por vontade própria”, lembrando o apoio que teve, com destaque para o Marítimo, clube que representa: “Não seria o rosto deste sucesso sem o apoio de todos”. Também deixou uma palavra de gratidão à Associação de Paralisia Cerebral da Madeira e à Liga Portuguesa contra o Cancro.

O presidente do Governo Regional lembrou os diversos feitos de Frederico Rezende, constatando um facto: “Quanto mais velho melhor. Ele é como o Vinho Madeira”. “A idade não invalida nada e o Frederico é precisamente a prova disso”, acrescentou Miguel Albuquerque.

“Estamos a falar de um campeão”. Foi desta forma que Carlos Pereira começou a abordar as proezas de Frederico Rezende. O presidente do Marítimo lembra que “é uma honra para o clube apoiando desde a primeira hora” nestas aventuras no mar.

A homenagem que decorreu na Quinta Vigia também contou com a presença do director regional do Desporto dos Açores. António da Silva Gomes também enalteceu os feitos de Rezende, sublinhando que este é o reflexo “da união dos ilhéus”.

Em Agosto de 2018 Frederico Rezende efectuou a travessia entre Açores e Madeira em mota de água. Completou o percurso de 560 milhas náuticas em 38 horas e seis minutos, fixando um novo recorde do Livro do Guinness.

Outras Notícias