Polícia abriu inquérito a caso de agressão a grávida na Madeira

A mulher não perdeu o bebé, está internada. O agressor já está indiciado. Vídeo amador da autoria de Fábio Pereira mostra momentos após agressão

08 Nov 2018 / 09:23 H.

A Polícia de Segurança Pública já abriu um inquérito por violência doméstica e está neste momento a tentar identificar o suspeito da agressão a uma grávida esta madrugada na Zona Velha do Funchal. A vítima foi encaminhada para as urgências do Hospital Dr. Nélio Mendonça, onde está estável. A mulher não perdeu o bebé. Segundo terá dito quando foi socorrida, está no oitavo mês da gravidez. Está a receber apoio psicológico no serviço de saúde.

Um transeunte, Fábio Pereira, conhecido promotor de eventos, filmou o agressor a deixar o local e a mulher no chão, aos gritos e com sangue. O vídeo tornou-se viral e o original pode ser visto neste link. Atenção que as imagens podem ferir a sensibilidade de algumas pessoas.

Segundo apurou o DIÁRIO, o agressor já está indiciado.

No Facebook, o vídeo já teve centenas comentários e partilhas.

Entretanto, Fábio Pereira fez um segundo vídeo que mostra a vítima a ser assistida na ambulância antes de ser levada às Urgências do Hospital.

Um caso que o DIÁRIO vai acompanhar.