Gabinete Médico-Legal do Funchal reforçado com peritos do continente

17 Abr 2019 / 21:19 H.

O Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses vai enviar uma equipa do continente para a Madeira para reforçar o gabinete do Funchal na sequência do acidente com um autocarro turístico, que provocou hoje pelo menos 28 mortos.

“O Instituto de Medicina Legal já está a preparar uma equipa que vai de cá para lá, para reforçar o Gabinete Médico-Legal do Funchal”, disse à agência Lusa fonte oficial do Ministério da Justiça.

A fonte não conseguiu, porém, adiantar quantos profissionais integrarão a equipa que vai prestar apoio ao Gabinete Médico-Legal e Forense do Funchal, instalado no Hospital dr. Nélio Mendonça.

“Ainda não têm isso fechado, porque estão à espera da confirmação do número de mortos”, indicou a fonte, apontando que, mediante essa informação, “ajustarão às necessidades”.

Fonte oficial do ministério liderado por Francisca Van Dunem informou também que este reforço poderá partir “ainda esta noite”.

Pelo menos 28 pessoas morreram num acidente com um autocarro turístico hoje em Santa Cruz, na Madeira, disse o presidente do município, Filipe Sousa.

Entre as vítimas mortais há “vários cidadãos estrangeiros”, segundo o Governo Regional.

No autocarro seguiam 51 pessoas, tendo 22 delas sido transportadas para o hospital com ferimentos de várias gravidades.