Catamarã em dificuldades foi rebocado para o Funchal

07 Mar 2018 / 17:58 H.

Um catamarã de bandeira espanhola, ‘Rocio’, que se estava a navegar a cerca de uma milha e meia a sudeste do porto do Funchal, com cinco tripulantes a bordo, foi hoje rebocado numa operação coordenada pela Capitania do Porto do Funchal, uma vez que se encontrava sem capacidade de propulsão mecânica, incapacitado de entrar no porto do Funchal.

De acordo com uma nota emitida pela Capitania, o alerta foi recebido às 10h25, tendo sido activada para o local uma embarcação salva-vidas da Capitania do porto do Funchal e outra do SANAS Madeira. Atendendo às condições meteorológicas foi confirmada a necessidade de apoio para o reboque, tendo sido o mesmo efectuado pela embarcação salva-vidas ‘Salvador do Mar’ para a marina nova do porto do Funchal.

Os tripulantes estavam bem de saúde e não necessitaram de assistência médica. O Comando Local da Polícia Marítima do Funchal tomou conta da ocorrência.