Bateu em carro estacionado e colocou bilhete com número não atribuído

15 Fev 2020 / 18:02 H.

Um condutor bateu ontem à tarde, por volta das 14 horas, numa outra viatura que estava estacionada junto a uma farmácia, no Caniço. Como havia testemunhas oculares do sucedido optou por parar o carro e colocar um bilhete, com um número de telemóvel, no pára-brisas. Só que esse mesmo contacto telefónico não está atribuído.

“Fingiu meter um papel no carro com o suposto número que não está atribuído. Espero que nunca lhe aconteça o mesmo”, desabafou André Freitas, alegando que “é para estas situações que existem seguros”.

O sinistrado sabe por agora que o veículo que embateu no seu automóvel era um Peugeot, de cor branca, e pede a quem tenha presenciado o sucedido que faculte mais informações.