Santander Universidades lança 230 bolsas de mobilidade em países ibero-americanos

13 Mar 2018 / 16:09 H.

O Santander Universidades vai disponibilizar ao longo deste ano 230 bolsas de mobilidade para estudantes, professores e investigadores de Portugal em países ibero-americanos, num investimento superior a meio milhão de euros.

As bolsas atribuídas a estudantes têm o valor individual de 2300 euros, enquanto as bolsas destinadas a professores são de 5000 euros. A nova edição do Programa de Bolsas de Mobilidade está a decorrer desde o início do mês e abrange 27 Universidades e Institutos Politécnicos em Portugal.

A iniciativa visa fomentar o intercâmbio de alunos, docentes e investigadores entre Universidades dos dois continentes. Só de Portugal, mais de 1700 estudantes já tiveram a oportunidade de ter uma experiência do outro lado do Atlântico ao abrigo deste programa.

Em Portugal, os alunos de licenciatura e mestrado podem candidatar-se ao Programa de Bolsas Ibero-Americanas e efetuarem um intercâmbio de 6 meses numa Universidade participante. Os professores e investigadores podem usufruir do Programa de Bolsas Santander Investigação, acedendo a estadias de 2 meses – ou, se forem alunos de doutoramento, a bolsas de 4 meses.

Tópicos

Outras Notícias