Remessas dos emigrantes subiram 15,6% para quase 300 milhões de euros em Fevereiro

Já as remessas enviadas pelos emigrantes em Portugal aumentaram de 9,25 para 41,87 milhões de euros

20 Abr 2017 / 13:00 H.

As remessas dos emigrantes subiram 15,6% em fevereiro, para 298,4 milhões de euros, ao passo que as verbas enviadas pelos imigrantes em Portugal aumentaram 9,25, para 41,87 milhões de euros.

De acordo com os dados do boletim estatístico do Banco de Portugal, hoje divulgado, o volume maior de remessas de emigrantes veio, como habitualmente, da Suíça, país de origem de 93,01 milhões de euros, o que representa uma subida de 12,1% face aos 82,93 milhões enviados em fevereiro do ano passado.

A seguir à Suíça, o maior volume de remessas por país aconteceu em França, onde os emigrantes portugueses enviaram 72,06 milhões de euros, o que equivale a uma subida de 24,8% face aos 57,73 milhões enviados em fevereiro de 2016.

No que diz respeito aos países lusófonos, o maior destaque vai para a forte descida das remessas enviadas pelos estrangeiros a trabalhar em Portugal, que remeteram para os seus países de origem 2,96 milhões de euros, o que representa uma descida de 29,3% face aos 4,19 milhões enviados no período homólogo do ano passado.

Os portugueses a trabalhar nos países lusófonos, por seu turno, enviaram 13,71 milhões de euros em fevereiro, o que mostra uma subida de 1,3% face aos 13,53 milhões enviados em fevereiro de 2016.

Outras Notícias