Portugal participa na Semana Mundial do Espaço a observar o céu e a falar de planetas

04 Out 2017 / 08:49 H.

Portugal participa na Semana Mundial do Espaço, que hoje começa, a “explorar novos mundos” com observações nocturnas do céu e palestras sobre planetas extrassolares, estrelas, buracos negros e a evolução do Universo.

A iniciativa, instituída pela ONU, realiza-se anualmente de 04 a 10 de Outubro. Este ano, o tema é ‘Explorar novos mundos no espaço’.

Em Portugal, estão previstas actividades direccionadas para as crianças e os jovens, como palestras com investigadores e engenheiros espaciais incluídas na acção ‘O espaço vai à escola’, promovida pelo programa educativo da agência espacial europeia ESA (ESERO).

A história da astronomia e cosmologia, a origem e evolução do Universo, a luz, os planetas extrassolares, as estrelas, a gravidade, a vida, os buracos negros, a matéria e a energia escuras, as ondas gravitacionais, os satélites e os sistemas de navegação e os neutrinos (partículas elementares mais difíceis de detectar) são alguns dos temas-chave das palestras.

O Observatório Astronómico de Santana, em São Miguel, Açores, por exemplo, organiza na sexta-feira à noite uma sessão de observação do céu.

As datas que delimitam a Semana Mundial do Espaço comemoram dois acontecimentos importantes: o lançamento do primeiro satélite construído pelo homem, o Sputnik I, em 04 de Outubro de 1957, e a entrada em vigor do tratado internacional de exploração pacífica do espaço, em 10 de Outubro de 1967.

Com esta iniciativa, que se realiza em simultâneo em vários países, as Nações Unidas pretendem celebrar a “contribuição da ciência e tecnologia espacial para a melhoria da condição humana”.