Portugal assina em Setembro acordos de cooperação internacional para o mar

Lisboa /
21 Ago 2017 / 23:00 H.

Portugal vai assinar, em setembro, acordos de cooperação com outros países lusófonos, do Mediterrâneo e do Atlântico Norte para programas de investigação aplicada e limpeza do mar e de sustentabilidade da pesca, indicou hoje a ministra do Mar.

Os acordos serão assinados no “Oceans Meeting”, encontro sobre os oceanos que este ano decorre em 07 e 08 de setembro em Lisboa, sob o lema da saúde dos oceanos e a saúde humana.

Justificando os “compromissos bilaterais” com países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, do Mediterrâneo e do Atlântico Norte, a ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, assinalou à Lusa que “o mar e o oceano não têm fronteiras”.

No encontro, no qual são esperadas delegações de 44 países, incluindo 36 ministros, será assinada uma declaração conjunta com um “compromisso global” para a investigação, preservação e a sustentabilidade dos oceanos.

“Portugal quer mobilizar a comunidade internacional para a necessidade de preservar os oceanos. [O encontro] é muito centrado na preservação e na obrigação que a comunidade tem de preservar o oceano”, afirmou a ministra, a propósito da temática do “Oceans Meeting”.

Ana Paula Vitorino lembrou que Portugal assumiu, em junho, na Conferência dos Oceanos da ONU, o compromisso adicional de duplicar, até 2020, a área de zonas marinhas protegidas e de desenvolver vários programas de limpeza do Oceano Atlântico.

O “Oceans Meeting 2017”, que se realizará no Centro Champalimaud, inclui uma cimeira ministerial, uma conferência internacional com investigadores e sessões de contacto empresarial sobre preservação e sustentabilidade dos oceanos.

Outras Notícias