Ministro da Defesa em Cabo Verde para firmar cooperação trilateral com Luxemburgo

06 Ago 2018 / 09:02 H.

Portugal, Cabo Verde e Luxemburgo assinam hoje uma declaração sobre cooperação trilateral na área da Defesa, no âmbito de uma visita de dois dias dos ministros português e luxemburguês às ilhas de Santiago e São Vicente.

A deslocação de José Alberto Azeredo Lopes e Étienne Schneider tem como objectivo “analisar e projectar as relações trilaterais, no domínio da Defesa” entre os três países, divulgou o Governo cabo-verdiano.

Da agenda dos ministros da Defesa de Portugal e do Luxemburgo constam encontros de trabalho com delegações do Ministério da Defesa e do Ministério da Economia Marítima, uma visita de cortesia ao Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, deslocações a unidades militares nas ilhas de Santiago e de São Vicente e a empreendimentos económicos.

Na segunda-feira, primeiro dia da visita, após serem recebidos com honras militares à chegada do Palácio do Governo, na Cidade da Praia (Santiago), os dois ministros reunir-se-ão com o seu homólogo cabo-verdiano, Luís Filipe Tavares.

Após um encontro entre delegações ministeriais será assinada uma Declaração Conjunta sobre Cooperação Trilateral.

Segue-se um encontro com o Presidente da República de Cabo Verde, antes de uma visita ao Centro de Operações de Segurança Marítima.

O segundo dia da deslocação inclui visitas ao Centro de Instrução Militar “Zeca Santos” e ao Comando da Guarda Costeira, no Mindelo, ilha de São Vicente.

Em Abril, o ministro da Defesa português, Azeredo Lopes, anunciou na Covilhã que Portugal, Luxemburgo e Cabo Verde iam estabelecer um acordo de cooperação na área da Defesa, defendendo relações de cooperação que envolvam mais do que um país e que sejam vantajosas para as partes.

Outras Notícias