Sismo em Taiwan faz pelo menos dois mortos e mais de 100 feridos

Taiwan /
06 Fev 2018 / 19:35 H.

Pelo menos duas pessoas morreram e mais de 100 ficaram feridas na sequência do sismo de magnitude 6,4 na escala de Richter que atingiu hoje Hualien, na zona leste de Taiwan, informou o primeiro-ministro taiwanês, Lai Ching-te.

O sismo provocou sérios danos em vários edifícios e infra-estruturas na cidade de Hualien, segundo informações divulgadas pelas agências internacionais.

Um dos edifícios afectados é o Hotel Tongshuai (também conhecido como Marshall), onde cerca de 100 pessoas estão encarceradas, segundo informações divulgadas pelos bombeiros locais. Os três primeiros andares do edifício colapsaram na sequência do abalo.

O governo de Taiwan e os ‘media’ locais, citando informações do serviço de bombeiros, relataram que outra unidade hoteleira, conhecida como Beautiful Life Hotel, também colapsou e que o Hospital Nacional de Hualien sofreu igualmente danos.

O sismo foi registado por volta das 23:50 hora local (15:50 hora de Lisboa) e o epicentro (zona da superfície terrestre onde a intensidade de um abalo sísmico é mais elevada e onde este alcançou em primeiro lugar o nível do solo, fica localizada por cima do hipocentro) foi localizado a cerca de 20 quilómetros a nordeste da cidade de Hualien, junto do oceano Pacífico, segundo informou o gabinete central de meteorologia de Taiwan e o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS).

O USGS, organismo norte-americano que é uma referência a nível mundial em matérias sismológicas, precisou que o sismo foi registado a uma profundidade de cerca de 9,4 quilómetros.

Nos últimos três dias foram registados mais de 20 movimentos sísmicos diários e o sismólogo Lee Chyi-tyi, da Universidade Central de Taiwan, referiu, na segunda-feira, que a ilha entrou num ciclo sísmico de 100 anos.

No século XX, a ilha de Taiwan, que a China considera ser parte integrante do seu território, registou dois sismos de magnitude 8,0. Um ocorreu em 1910 ao largo da costa de Yilan, enquanto o outro foi registado em 1920 ao largo da costa de Hualien.

Outras Notícias