Exército sírio recupera último bastião de grupo Estado Islâmico

Síria /
09 Nov 2017 / 12:25 H.

O exército sírio anunciou hoje ter recuperado o controlo total de Boukamal, na província de Deir Ezzor, no leste, a última cidade na Síria que ainda estava nas mãos do grupo extremista Estado Islâmico (EI).

“As unidades das nossas forças armadas, em cooperação com as forças auxiliares e aliadas, libertaram a cidade de Boukamal”, refere um comunicado do exército divulgado nos media oficiais.

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos também indicou que as forças governamentais sírias e tropas aliadas, incluindo combatentes iraquianos, estavam a “passar a pente fino” Boukamal, após a retirada dos militantes do Estado Islâmico.

Após várias semanas de uma ofensiva apoiada pela aviação russa, as tropas do regime e os seus aliados -- milicianos iraquianos, iranianos e do Hezbollah libanês -- conseguiram entrar em Boukamal, perto da fronteira com o Iraque, na quarta-feira à noite.

“A libertação da cidade de Boukamal é de grande importância porque representa o fracasso do projecto do grupo terrorista EI na região”, assinalou o exército.

“Esta é uma proeza”, congratularam-se os militares, adiantando que esta reconquista lhes permitirá “vencer o que resta de organizações terroristas” na Síria.

Com a queda de Boukamal, os ‘jihadistas’ deverão ter-se escondido em pequenas cidades e aldeias ao longo da fronteira com o Iraque e no deserto sírio.

Desencadeada em 2011, a guerra na Síria já causou mais de 330 mil mortos e obrigou milhões a abandonarem as suas casas.

Outras Notícias