China diz que guerra entre Coreia do Norte e Estados Unidos não teria vencedores

China /
26 Set 2017 / 11:27 H.

O Governo chinês afirmou hoje que um hipotético conflito armado entre os Estados Unidos e a Coreia do Norte “não teria vencedores e seria uma tragédia também para os países vizinhos” no nordeste asiático.

“A guerra de palavras entre a Coreia do Norte e os EUA chamou a nossa atenção, mas também vimos que os EUA negaram claramente que haja uma declaração de guerra”, disse hoje Lu Kang, porta-voz do ministério chinês dos Negócios Estrangeiros.

“Esperamos que os Estados Unidos e a Coreia do Norte percebam que recorrer a uma solução militar nunca será uma opção viável, e que a provocação mútua apenas reforça o risco de confrontação, reduzindo o espaço de manobra”, acrescentou.

Lu disse que a China “desaprova totalmente esta escalada de tensões”.

O ministro norte-coreano dos Negócios Estrangeiros, Ri Yong Ho, assegurou na segunda-feira, em declarações aos jornalistas em Nova Iorque, que os EUA declararam guerra ao seu país, que tem assim “todo o direito” de adotar “contramedidas” para se defender.

Ri referia-se às declarações do Presidente dos EUA, Donald Trump, na semana passada, assegurando que se Washington for “obrigado a defender-se a si mesmo e aos seus aliados, terá que destruir totalmente a Coreia do Norte”.

Outras Notícias