Câmara dos Lordes quer maior poder do parlamento na saída do Reino Unido da União Europeia

18 Jun 2018 / 20:56 H.

A Câmara dos Lordes britânica está a efetuar uma nova tentativa para que o parlamento ganhe uma maior influência na saída do país da União Europeia.

A câmara superior do parlamento, que não é eleita, alterou hoje a proposta do Governo para o ‘Brexit’ para que a aprovação dos legisladores seja necessária antes que o executivo finalize a saída da União Europeia.

A Câmara dos Comuns anulou na passada semana alterações efetuadas pela Câmara dos Lordes ao projeto de saída da União Europeia, mas prometeu aos legisladores que iriam ter um “voto significativo” sobre o acordo de divórcio entre a União Europeia e o Reino Unido. antes do ‘Brexit’ ocorrer em março de 2019.

No entanto, os legisladores a favor da continuidade da União Europeia querem ter a capacidade de enviar o Governo de volta à mesa de negociações se não gostarem do acordo.

A nova emenda da Câmara dos Lordes voltará à Câmara dos Comuns na quarta-feira para outra votação.

Outras Notícias