IASAUDE contacta famílias de crianças que ainda não foram vacinadas

20 Abr 2017 / 10:00 H.

A morte de uma jovem de 17 anos no continente, devido ao surto de sarampo, está a deixar o país em alerta visto que se pensava que esta doença tinha sido eliminada em Portugal.

Apesar desta situação preocupante na Saúde Pública, João Filipe Pestana, coordenador do DIÁRIO, refere que a taxa de recusa da vacinação é muito baixa na Madeira, sendo que o IASAUDE já está a contactar as famílias de crianças que ainda não foram vacinadas, como forma de prevenção.

Tópicos